Rapper Ice Cube perde cachê de R$ 48 milhões por não ter tomado vacina contra a Covid-19

O rapper Ice Cube perdeu um cachê de US$ 9 milhões (mais de R$ 48 milhões considerando a cotação atual) por ter se recusado a tomar a vacina contra a Covid-19. Os boatos de que ele foi cortado do filme “Oh Hell No”, no qual faria uma participação como ator, surgiram em 2021. Sem citar o nome do longa, o artista confirmou no podcast “Million Dollaz Worth of Game” que perdeu o papel na produção co-estrelada por Jack Black. Os produtores do filme colocaram como exigência que todos do elenco estivessem vacinados antes das gravações começarem. “Recusei US$ 9 milhões. Eu não queria tomar a vacina. Fod*-se essa vacina. Fod*-se por tentar me fazer tomar. Não sei como Hollywood se sente sobre mim agora”, declarou Cube, que enfatizou que a decisão de deixar a produção não partiu dele. O rapper afirmou que não tomou a vacina, pois acredita que “não precisa” do imunizante. “Não peguei essa merda de jeito nenhum. Nada. Fod*-se eles. Eu não precisava dessa merda”, disparou. “Oh Hell No”, do cineasta Kitao Sakurai, é uma comédia que gira em torno de Sherman (Jack Black), um homem que se envolve amorosamente com com a mãe de Will, personagem que seria vivido por Ice Cube. Sem aceitar o relacionamento, Will faz de tudo para separar o casal. O longa estava previsto para ser lançado este ano, mas a Sony Pictures não deu mais atualizações sobre a produção – ficando em aberto se o projeto foi adiado ou engavetado. Essa não seria a primeira experiência do rapper como ator, o último trabalho em Hollywood foi “A Batida Perfeita”, de 2020.

Leia também

Neusa Borges se irrita com especulações de que 'está na miséria': 'Não aguento mais' Rapper L7nnon abre o jogo e fala sobre rumores de affair com Anitta e Juliette